Peixe / marisco

Tamboril assado com bacon e manteiga de tomilho


Associação perfeita entre a terra e o mar, esta receita de tamboril assado com bacon e manteiga de tomilho é simplesmente deliciosa.

Ingredientes para 4 pessoas:

  • 1 cauda de tamboril (1 kg sem pele)
  • 80 g de manteiga
  • 4 raminhos de tomilho
  • 3 colheres de sopa. colheres de sopa de azeite
  • 12 fatias finas de bacon defumado
  • Pimenta salgada

Tamboril assado com bacon e manteiga de tomilho

Uma receita com tamboril e bacon, tipicamente bretão, para um saboroso prato de terra do mar.

- Retire a manteiga da geladeira 30 minutos antes de usá-la para que amoleça.

- Retire as folhas de 2 ramos de tomilho.

- Em uma saladeira, bata a manteiga até ficar com a consistência de uma pomada, junte o tomilho. Misture, tempere. Enrole a manteiga em filme plástico. Coloque na geladeira.

- Corte a polpa do tamboril em 2 no sentido do comprimento. Remova o cume central. Num prato fundo grande, coloque os 2 filés obtidos, regue com azeite e polvilhe com o resto das folhas de tomilho. Temporada.

Coloque na geladeira e deixe marinar por 1 hora (vire os filés após 30 minutos).

Pré-aqueça o forno a 210 ° C (th.7).

- Retire o tamboril da marinada e escorra. Reconstitua a cauda, ​​colocando fatias de manteiga de tomilho no centro dos dois filés. Cubra com fatias de bacon e amarre. Coloque em uma assadeira. Asse por 15 a 20 minutos (regue o assado regularmente). Retire do forno, deixe descansar por 5 minutos e corte em rodelas bem grossas.

BBA do Chef

Para servir com alcachofras congeladas: coloque as alcachofras cortadas em palitos em uma frigideira (certifique-se que não se sobreponham) com uma base de caldo de galinha, mel e uma noz de manteiga. Temporada.

Cubra com uma folha de papel manteiga com um furo no centro e cozinhe por 15 minutos.

Vinho para acompanhar o tamboril assado

É pela sua textura, firme e carnuda, que o tamboril é procurado, enquanto a sua discrição aromática permite inúmeras variações culinárias.

Aqui, o viés é dar um caráter terroso com bacon e tomilho realçados por nuances defumadas. É, portanto, um prato contrastante onde se expressam várias dimensões aromáticas, permitindo alianças muito diferentes dependendo do sentido pretendido.

Assim, um túmulo branco envelhecido em barricas irá realçar, através das suas notas de torrado, o fumegante do prato, enquanto com um São José branco, preferimos apoiar as notas de tomilho.

Um Riesling da Alsácia, por outro lado, irá favorecer uma dimensão ou outra dependendo se é escolhido jovem ou mais velho e marcado por notas de petróleo que destacam o bacon.

Este tipo de preparação é também uma excelente ligação entre o peixe e o vinho tinto, e a concordância com as notas de grelhados e garrigue de um Fitou será mais feliz, mantendo a complexidade aromática do conjunto.

Sr. Chassin


Receita: T. Bryone, Foto: C. Herlédan


Vídeo: Tamboril com Molho de Camarão e Coentros (Outubro 2021).