Peixe / marisco

Patine com alcaparras e manteiga marrom


Um prato clássico de bistrô por excelência, a asa de skate com alcaparras e manteiga de cacau é sempre um sucesso.

Ingredientes para 4 pessoas:

  • 4 asas de skate (cerca de 200 g cada)
  • 12 batatas novas
  • 2 colheres de sopa. colher de sopa de vinagre branco
  • 1 Colher de Sopa. sopa de vinagre de vinho
  • 80 g de manteiga semi-salgada
  • 3 colheres de sopa. alcaparras de vinagre
  • 1 limão
  • Sal grosso
  • Sal
  • Pimenta

Patine com alcaparras e manteiga marrom

Com esta receita de skate com alcaparras e manteiga marrom, reconecte-se com a cozinha
bistrô tradicional!

- Pincele e lave a casca das batatas, mergulhe-as em uma panela com água e sal com sal grosso. Deixe ferver e cozinhe até que a lâmina de uma faca penetre facilmente na carne. Descasque-os e mantenha-os aquecidos.

- Corte o limão em 4 quartos.

- Coloque as asas do patim sob água corrente e esfregue suavemente até que não fiquem mais viscosas.

Encha um forno holandês com água salgada fria e sal grosso, coloque as asas de skate nele.

Despeje o vinagre branco e leve para ferver. Quando aparecerem os primeiros caldos, retire a panela do fogo, mantendo os peixes por mais 5 a 6 minutos em água fervente. Usando um skimmer, remova as asas do skate. Remova a pele com cuidado e mantenha a divisão quente.

- Coloque a manteiga em uma panela, derreta em fogo médio. Cuidado com a cozedura: assim que ficar com uma cor de noz (e exalar um odor semelhante ao da avelã), retire do lume. Adicione o vinagre de vinho e as alcaparras escorridas. Mexa e tempere.

- Em pratos quentes, coloque as asas de skate e as batatas, polvilhe com manteiga marrom.

Distribua as alcaparras uniformemente.

Sirva com rodelas de limão. Sirva sem demora.

BBA do Chef

Saiba que a viscosidade da pele da arraia é um sinal de frescor. Basta lavar bem antes de cozinhar.

Vinho e raia com alcaparras

Se a pele viscosa for perfeitamente removida, o raio tem uma textura densa, carnuda e ligeiramente fibrosa. Esta receita, reconhecidamente clássica e conhecida, é um verdadeiro sucesso no realce deste peixe, sendo a manteiga a dar o ligante e o revestimento a esta por vezes um pouco seca de polpa, enquanto a acidez das alcaparras e do vinagre dá alívio para o todo.

Esta dupla dimensão gustativa do molho dá-nos o rasto de emparelhamentos que, dependendo do gosto individual, nos levarão mais claramente ao pólo da frescura ou doçura.

No primeiro caso, podemos escolher um vinho seco como um Anjou branco, cuja discrição aromática não dominará muito o prato, ou um vinhos do norte da Borgonha, como os de Auxerrois.

Em contraste, a redondeza de um Alsace Pineau Blanc ou de um costas do sul do Ródano para os amantes de vinhos tintos, levará a aliança a um caráter mais terno.


Sr. Chassin
Receita: T. Bryone, Foto: C. Herlédan


Vídeo: FILÉ DE LINGUADO AO MOLHO DE ALCAPARRAS com Raul Lemos. DICAS MASTERCHEF (Dezembro 2021).